Eu tenho um amigo que é um anjo

Sou da opinião que a vida nos reserva alguns encontros celestiais, sou da opinião que se você não percebeu isso ainda, talvez você não esteja prestando muito atenção pelo percurso. Como naquele trecho da Clarice “Porque ela acreditava em anjos, eles existiam”, essa pode ser a razão deles aparecerem na minha vida. Hoje, eu gostaria de falar de um especial: Guilherme Espíndola.

 

Ele surgiu na minha vida como um raio de alegria e amizade, com seu humor sarcástico e seu jeito caridoso e solidário. Se me perguntarem como deve ser a personalidade de um anjo,eu nunca diria a de um Gabriel, mas a de um Guilherme. Bondade, amizade, companheirismo, solidariedade, bom humor, inteligência, beleza e um fã do Karnal. Isso me parece o retrato exato de como é um anjo. Tudo isso contribui para a luz mais dourada que pra mim é a sua aura. E verdade seja dita, todos os que convivemos te enxergam da mesma forma brilhante.

 

Em 2018, você foi um dos meus anjos da guarda, por isso, eu serei eternamente devota dessa amizade. Saiba que não é da boca para fora que eu digo isso: você é uma das pessoas com a alma mais bonita que eu já conheci na vida. E como todas as pessoas com alma de anjo, você sofre, sente e tenta ao máximo não demonstrar isso. Isso apenas me leva a mais admiração, porque é preciso muita força para fingir que não é necessário força para ser luz para os outros. 

 

Faz sentido que você tenha escolhido a Medicina, pra mim, anjos não parecem advogados ou economistas (a exceção é Lúcifer). Você, com essa auréola só poderia ser médico, em você, diferentemente de tantos outros, eu vejo a vocação. Algo de genuíno que nos faz acreditar em missões e sonhos: alguém incrível que parece ter sido esculpido em propósito. Qual seria ele? Essa resposta nunca pertence a ninguém além de si mesmo, ou seja, você já a tem, queira ou não.

 

É por essa razão que eu não darei parabéns, ao longo de tanto tempo te vi crescer e enxergar seu próprio propósito. Vi você cair, levantar e cair outra vez. Vi você ajudar outras pessoas, vi você ter fé e sentir medo. Vi tanto, mas nunca te vi não ser luz, porque até quando os anjos estão cabisbaixos, eles iluminam aqueles ao seu redor: eles nos fazem parar de chorar com uma piada ou com abraço, eles cuidam de nós e restauram nossa força e fé. Vivi isso na prática ou ser inúmeras vezes restaurada pela sua risada ou carinho e, por isso, ao escrever esse texto eu estou chorando, porque eu tenho um amigo que é um anjo e simplesmente não vê suas asas. Espíndola, se você fosse capaz de enxergá-las, veria o quão longe deve e pode voar. 

E se a algo que eu devo mencionar sobre os anjos é como a lógica católica foi prejudicial para a categoria. Ela destruiu uma essência angelical de liberdade e bondade para além do dogma, ela os torna chatos e comuns. Os budistas, judeus, espíritas e teosofistas foram muito melhores para explicarem e aclamarem a aura angelical. Não seria sábio da minha parte incentivar um anjo a ficar em ambientes católicos, porque estes sempre limitam os anjos e, em minha opinião, eles devem alçar grandiosos voos. No entanto, se você ama um anjo brilhante e ele é um dos seus melhores amigos, você o apoiaria até se ele desejasse ser um anjo caído, mas você nunca aplaudiria ou o parabenizaria por isso.

Por fim, rezo: anjinho da guarda,
meu bom amiguinho,
venha junto comigo
sempre pelo melhor caminho

Um comentário sobre “Eu tenho um amigo que é um anjo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s